Noticiário SDDH

NOTA DE SOLIDARIEDADE E REPÚDIO


Compartilhar
Tweet

A Sociedade Paraense de Defesa dos Direitos Humanos (SDDH) veem a público manifestar solidariedade povo Indígena Araribóia pelo assassinato do guerreiro Paulo Paulino Guajajara que foi executado de forma brutal por um grupo de madeireiros e invasores da Terra Indígena Araribóia. Desejamos também melhoras ao líder indígena, guardião da floresta Laércio Guajajara que sobreviveu aos ataques.


A cada dia, os indígenas continuam como os principais inimigos do Estado brasileiro. Vítimas de um país assolado por um desgoverno, de homens inimigos do povo que persegue, reprime e mata.


A institucionalização dessa violência que tem como objetivo um projeto de exploração e genocídio contra o povo pobre e etnocídio das populações indígenas para garantir a privatização dos bens públicos e de destruição dos recursos da natureza em prol do lucro, uma ameaça a Amazônia e seus povos.


Não podemos permitir que tais ações perpetuem, continuamos na defesa e luta pelo direito à vida. Na Amazônia, são os povos indígenas, camponeses, populações tradicionais, ribeirinhos e tantos outros que lutam em defesa dos seus territórios e comunidades.


Repudiamos mais esta violência! Exigimos que sejam tomadas medidas urgentes de proteção aos defensores e defensoras da floresta!


                                                       SDDH, 04 DE NOVEMBRO DE 2019

 




Noticiário SDDH

clique para ver outras noticias


noticias

Julgamento do Assassinato de Leila Arruda

noticias

Justiça para Leila Arruda

noticias

Lançamento do Documentário e Relatório de denuncia, as ameaças sofridas pelos Indígenas no Tapajós

noticias

Mártires da Terra

Trav. 25 de Julho, 215 - A - Guamá, Belém - PA - 66075-513
Telefone: (91) 3241-1518 /sddh@sddh.org.br

youtube